Sum 41 France entrevista Deryck:

O site do Sum 41 France entrevistou Deryck, veja a tradução e informações revelantes que o Deryck respondeu:

1) Primeiro de tudo, como você se sente? Como está a sua saúde?

Muito bom. Acho que a minha lesão nas costas esta doendo menos dessa vez. Dói, não me interpretem mal. Mas eu não queria me colocar na cadeira de roda neste momento. Me esforcei um pouco demais com a turnê deste álbum. Principalmente porque eu adoro tocar para os nossos fãs. Mas três anos na estrada para o SBM foi um pouco longo demais. E agora eu tenho que pagar o preço.

2) Hoje, podemos ver que você decidiu voltar a se comunicar com seus fãs. Por que essa mudança? (Lembramos que em 2009, você estava postando regularmente atualizações de SBM)

Bem, eu sempre gostei de ficar em contato e falar com os nossos fãs. Mas quando estamos em turnê não tenho muito tempo. Agora que estou em casa para os próximos dois anos, eu tenho tempo para ficar em contato. Eu não vou ser capaz também de responder a todos o tempo todo porque eu deixo passar algumas mensagens. E eu não posso mantê-las todos os dias, mas eu gosto de falar, tanto quanto possível.

3) Você pode nos dizer sobre o futuro do Sum 41? Quais são os seus planos, sabendo que você não tem qualquer gravadora ou um baterista?

Bem, isso apenas significa que as opções são infinitas. É realmente uma coisa muito emocionante. Estou ansioso para o futuro e descobrir o que vamos fazer. No final do dia, tudo se resume às canções. A música vai ditar o que vai acontecer. A industria da música muda a cada seis meses, então eu não sei o que vai acontecer em poucos anos a partir de agora  e quando eu estiver pronto para fazer um novo álbum. Eu só vou deixar as coisas rolarem e descobrir como vai ser.

4) A partida do Stevo já estava planejada antes de vocês cancelarem os últimos shows?

Não que eu soubesse. Ele pode ter pensado nisso antes. Não tenho certeza. Acho que estávamos todos muito cansados e esgotados até a final da turnê. Ou pelo menos eu sei que eu estava e ainda estou. Viajar pode ser difícil depois de algum tempo.

5) Como você reagiu quando ele anunciou isso?

Eu amo o Stevo. E respeito a sua decisão. Ele é o melhor baterista com quem eu já toquei. Mas eu não fiquei tão surpreso. Desejo-lhe tudo de melhor.

6) Você pode nos dizer por que ele saiu da banda?

Você teria que perguntar a ele. Não vou falar em nome de ninguém. Tudo o que posso dizer é que, na vida nada permanece o mesmo para sempre. Mesmo que seja infeliz. As coisas mudam as pessoas crescem. Diferentes responsabilidades e metas tornam-se um fator em sua decisão. No final do dia, você tem que fazer o que é melhor para você em seu coração.

7) Você disse recentemente que você tem algumas idéias de riffs. Você pode nos dizer mais sobre ele? Qual o estilo desses riffs e tendem a soar como?

É muito cedo para dizer. Eu só tenho um monte de idéias flutuando na minha cabeça. Nada concluído ainda. E não será por algum tempo. Prevejo talvez 2 anos ou antes de ter um novo álbum.

8) Deryck no myspace, Deryck no facebook. Quando é que vamos ver Deryck no twitter?

Eu não sei. Twitter não é realmente minha coisa. Talvez um dia. Eu provavelmente vou ficar na mesma. Se eu tiver vai ser muito tarde. haha

9) Será que Matt Whibley voltará algum dia como empresário da banda?

Bem, Matt e eu vamos sempre estar trabalhando juntos de alguma forma. Ele ainda vive comigo e está indo muito bem na faculdade de direito. Talvez ele passará a fazer parte da minha equipe de leis. As opções são infinitas. Mas temos que trabalhar juntos no futuro.

10) Na França, há muito pouca promoção sobre vocês, mas toda vez que vocês fazem show aqui todos esgotam. Como você explica isso?

Isso é verdade. É porque temos os melhores fãs que eu poderia pedir. Eu nunca esperava que isso iria acontecer. Mas nós temos tido muita sorte. Nós sempre apenas tentamos o nosso melhor em tudo o que fazemos. E parece que um monte de gente gosta disso. Eu me lembro da primeira vez na França. Viemos para tocar um pequeno show no “bull noir” para atender a gravadora francesa. O show foi quente e louco. Lembro-me também a companhia da nossa gravadora nos falou que eles adoraram o show, mas para não esperar ter muito sucesso na França, porque era um país muito difícil para as bandas norte-americana a ser popular. Então, eu nunca esperei nada e aqui estamos até hoje vendendo grandes espaços cada vez que voltamos. Acho que mostrei a eles.

11) Você sabe, esse período me faz lembrar da época de Dave e Greig. Hoje você não tem um baterista nem uma gravadora. Você vai voltar mudado, como quando você lançou Underclass Hero?

Eu não sei como responder isso corretamente. Eu não posso dizer como minha mente vai estar em poucos anos. Tudo o que posso dizer é que eu não estou preocupado. Estou muito animado para o futuro.

12) Fomos informados de que você fez uma versão acústica de BIMY. Será que você pensa em liberá-lo, para mostrar a seus fãs que o Sum 41 não acabou, e que a ERA SBM está se fechando?

Você vai estar ouvindo aquela música muito mais cedo do que você pensa.

13) Pode nos dizer sobre a canção “Believe” (STUDIO UPDATE #30), que atraem muita atenção (a petição foi criada para ser capaz de ouvi-loa um dia);

Essa música ainda não está terminada. “Believe” tem sido uma merda chata para mim. Eu escrevi o primeiro verso dela, que é o que você já ouviu on-line, mas por algum motivo eu não consigo escrever mais alguma coisa que funciona com ela. Tenho certeza de que vai chegar algo eventualmente, mas cada vez que eu tento escrever um refrão para isso nunca funciona direito. Isso acontece muito embora. Eu escrevi o riff para “Sick of everyone” em 2003, quando eu estava escrevendo músicas para Chuck. Eu não era capaz de transformá-la em qualquer coisa naquela época, mas de repente eu era capaz de usá-la em SBM.

14) Fale-nos sobre o seu site que está chegando. Será ainda sobre o Sum 41 ou vai ser algo totalmente diferente? Você pode nos dizer quando ele estará pronto?

Espero estar pronto esta semana. Será um outro lugar que eu vou ser capaz de falar com os fãs também. Junto com postagem de blogs, fotos e etc, e quando chegar a hora, possivelmente, novas idéias musicais. É aí que você vai ser capaz de ouvir o BIMY acústico!

15) Você tem algo a dizer a todos os seus fãs franceses que estão lendo o nosso site?

Sim. Tem sido um grande os últimos 12 anos de apresentações na França e eu não pretendo parar agora. Obrigado a todos os nossos fãs e estou ansioso para sempre voltar para executar shows. Obrigado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: