#VÍDEO: Deryck para a FUSE

 

05 anos entre os álbuns

“Quando você coloca para fora um registro, as pessoas assumem que você irá entrar em hiato depois daquele dia ou algo assim, mas na verdade nós fizemos uma turnê por três anos com o SBM, ele demorou um ano para ser lançado e um ano para ser feito.

O que quer que nós colocamos nesse novo álbum, quero que as pessoas fiquem sabendo e que elas esperem por isso, a música é tudo e onde eu estou agora com a minha vida.

13 Voices é um album de rock, e se você gostou do nosso single Fake My Own Death, ele representa bem o que está nesse álbum, quando tivemos que lançar algo, eu só queria ele em primeiro lugar, eu realmente gosto das guitarras, essa música me excita. Eu queria tocar, foi colocado muito sentimento nela e eu realmente gosto dela.

Liricamente, todo o álbum, eu acho que é sobre a minha viagem através de todo o processo da minha recuperação. As letras são relevantes para o que eu passei, eu acho que é um registro otimista porque, se você for ver, no final eu sai por cima, porque passando por isso definitivamente houve momentos em que eu podia facilmente apenas cair e não me levantar mais, eu tive alguns desses momentos de oscilação.”

Num piscar de olhos

“Foi muito difícil escrever na estrada, especialmente quando a turnê estava ficando cada vez maior, ficou mais difícil e cansativo. A tensão dentro da banda foi uma das piores coisas, se tornou realmente um lugar desagradável de estar, tanto que foi o fim para o nosso baterista, eu fui para o outro lado, me afogava em álcool e festas e acabei no hospital porque nós basicamente nos destruímos nesses três anos de turnês e isso me levou um tempo para me recuperar e fazer um registro, os últimos cinco anos passou em um piscar de olhos.”

Rock Bottom

“Bem, eu acabei no hospital e percebi que isso tira mais do você absolutamente poderia dar, é um outro nível e eu realmente não queria ir para lá, a única coisa que poderia me ajudar a me recuperar era a música, como começar a escrever canções, retornar com as turnês, forçando-me a ter um prazo para um novo registro e para sair em tour, então eu comecei a ficar melhor e nós começamos a excursionar neste ano, fevereiro foi a nossa primeira turnê, eu ainda não estava completamente recuperado, porque apenas a recuperação física estava tomando muito do meu tempo e quando eu entrava no palco, eu não sabia se eu iria conseguir durar um show inteiro, esses primeiros shows foram um pouco duvidosos, mas depois começou a melhorar, e o ponto é que eu nem sequer percebi isso.

Agora quando eu digo que eu estou muito feliz, é por que este é o momento mais feliz, eu realmente quero dizer isso porque, tudo é realmente grande. Eu lutei tanto para chegar aqui, e quando eu vou para o palco eu realmente sinto que é a coisa mais importante do mundo para mim, porque antes eu estava perdido, e para ter tudo isso agora, um disco novo, a banda que está melhor do que já fomos um dia antes, meus melhores amigos, tudo é ótimo, posso realmente dizer que é o momento mais feliz da minha vida.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: